sábado, 10 de maio de 2008

È muito sofrimento


O advogado Marco Polo Levorin, responsável pela defesa do pai e da madrasta de Isabella Nardoni, afirmou que a defesa entrou com um pedido de anulação do despacho do juiz Maurício Fossen, em que aceitou integralmente a denúncia contra o casal, junto ao pedido de habeas-corpus. Segundo Levorin, a defesa afirma que houve julgamento de mérito na denúncia e que os acusados foram prejulgados.

O pedido de prisão preventiva foi fundamentado em três pilares: garantia da ordem pública, o clamor público e uma resposta à sociedade. Para a defesa, os acusados permaneceram na residência dos pais e dessa forma não perturbaram a ordem. No caso do calor popular e da resposta à sociedade, os advogados acreditam que não é algo que cabe a Justiça no momento.
Levorin disse que está confiante na aceitação do habeas-corpus do casal.

Êta, acompanhei o caso todo, fiquei com muita raiva do Alexandre nardoni, mas confesso que a todo momento existia uma esperança no meu pensamento que aparecesse uma terceira pessoa nesse caso, custei acreditar que o própio pai pudesse ter jogado a menina Isabella, 5 anos pela janela, porém preciso aceitar o fato. Ele é o culpado.

Mas, não acho que a cadeia recupere esses casal, ficar um dia naquele lugar já faz com que as pessoas se arrependam pelo que fizeram e pelo que não fizeram, já estou com pena deles. Além do mais... Tudo que a gente faz a gente paga, vamos deixar que a lei divina tome providência, pois na lei humana não da para acreditar muito não.
Daiane Paz

Um comentário:

Fagner Abrêu disse...

aew valeu pela visita

adorei seu blog.

abraços